Agora que você chegou nos EUA deve estar se perguntando: Cheguei nos EUA, o que eu faço primeiro?

Vou listar algumas prioridades tomando como base a cidade de Orlando, mas as dicas são válidas para os recém chegados de qualquer cidade dos EUA.

Telefone Celular

Ao chegar nos EUA procure uma operadora de telefonia celular com os melhores planos para você. Eu uso a MetroPCS e gosto bastante.

Quando cheguei escolhi um plano de U$40,00 por mês que já vinha com um smartphone. O plano me dava direito de fazer ligações para dentro dos EUA e para usar a internet ilimitada. Existem planos com U$10,00 ou U$20,00 a mais para fazer ligações ilimitadas também para o Brasil.

O telefone é essencial para você se locomover pela cidade com o GPS, pois as vezes parece que as ruas são todas iguais e tudo é muito longe em Orlando.

Conta no Banco

Para abrir uma conta no banco você vai precisar do seu passaporte e de um comprovante de endereço. Neste caso como você é recém chegado, poderá levar o seu contrato de locação.

Para a conta no Bank of América, que é o banco que recomendo pois tem várias agências em todo o país, você pagará uma taxa de U$ 15,00 para a conta corrente e U$5 para conta poupança. Se você tiver o valor mínimo estipulado pelo banco nas contas corrente e poupança (que são abertas juntas), não será cobrado nenhuma taxa na sua conta.

Moradia

O Ideal é que você já tenha um local como um hotel ou um Airbnb (ou casa de amigo) para passar a primeira semana na cidade. Essa reserva você deve fazer no Brasil, para que você possa chegar e já ter onde ficar pelo menos a primeira noite, pois o voo é cansativo e sair do avião e ficar procurando um hotel não é a melhor opção.

Fique no hotel escolhido por pelo menos uma semana para que você possa ir resolvendo as prioridades e procurando um apartamento ou casa para alugar.

A minha dica aqui é que você veja em grupos do facebook, pois existem brasileiros repassando aluguel de apartamento e casas que pode te facilitar, pois normalmente já estão mobiliadas.

A outra dica é você ir nos offices dos condomínios e se informar sobre a locação. Os offices normalmente funcionam de segunda à sábado das 8h às 18h.

Lembrando que para a locação de casas e apartamentos você deverá ter um valor reservado de U$50 à U$150,00 para a aplicação por pessoa e o valor de pelo menos 1 aluguel para o depósito de segurança.

Carro

Em Orlando é quase impossível ficar sem carro, pois o transporte público na cidade não é frequente, ou seja, não dá para contar com transporte público no dia a dia. E se você está indo para morar e trabalhar não será muito bom para o seu bolso usar o Uber e o Lifity todos os dias.

Em cidades mais urbanas o metrô normalmente funciona bem e o transito não compensa ter carro.

É indicado comprar o carro na primeira semana, pois você precisará além de comprar o carro, comprar a placa e contratar o seguro obrigatório.

 

Comida

Comida nos EUA em geral não é um grande problema, os mercados tem uma imensa variedade de produtos e com certeza alguma caisa vai agradar você. Mas além disso os fast foods resolve o seu problema na primeira semana.

Apesar de ter mercados e restaurantes brasileiros, recomendo que você vá se acostumando com os americanos, pois dependendo da cidade escolhida não terá essa opção.

 

Trabalho

Se você está indo para trabalhar, o meu conselho é que você economize o máximo que puder no começo e procure um trabalho assim que se instalar.

Muitas pessoas se empolgam com as compras por achar os valores dos produtos atrativos. Mas você terá tempo de comprar tudo o que quer. Foque em arrumar um trabalho para você se manter nos primeiros meses.

Nos grupos Emprego Rápido Orlando e Emprego Rápido Boston você encontrará apenas vagas de trabalho. Mas uma dica extra que te dou é: Não vá para os EUA esperando que alguém te dê emprego, você precisa correr atrás. Se vir alguma oportunidade de trabalho, entre em contato com o empregador por telefone ou no endereço informado e se candidate. Na América tempo é dinheiro e você precisa correr atrás do seu.

Você poderá entrar em outros grupos no facebook e fazer contato com brasileiros para ter indicação de vagas também. Existem brasileiros dispostos a ajudar quem procura por ajuda.

Espero que essas dicas iniciais te ajude a ter uma clareza melhor. Boa sorte! 😉